Esclarecimento

A Associação de Festas de S. João vem esclarecer o seguinte:

Chegou ao conhecimento da Associação de Festas de S. João, a intenção da Rusga de S. Vicente, Grupo Etnográfico do Baixo Minho, de intentar um processo crime contra o Dr. Rui Ferreira, na qualidade de Presidente desta associação.

Entende a Associação que, dada a posição tomada pela Rusga de S. Vicente, não se encontra atualmente em condições de fomentar uma relação contratual para participação desta nas festas de S. João de 2014.

Pelo exposto, foi tomada a decisão pela Direção da Associação de suspender as relações contratuais com a Rusga de S. Vicente para o corrente ano.

Não obstante, as Festas de S. João são as festas da cidade e por isso, a participação de todos os bracarenses e movimentos associativos nas mesmas é de carácter livre.

 

Selo do São João disponível nos stands da Associação de Festas

O primeiro selo comemorativo do São João de Braga foi apresentado hoje na Fonte do Ídolo. Com o cartaz deste ano como mote, os selos do São João de Braga prometem levar o nome da cidade e das festas a todo o mundo.

Para o presidente da Associação de Festas de São João, Rui Ferreira, a edição dos selos sanjoaninos constituem um marco para o São João de Braga, prometendo que as próximas festas da cidade contarão com novas edições de selos.

Já para o presidente do núcleo filatélico de Braga, Jorge Cruz Lopes, o facto do São João contar com selos próprios eleva as tradições sanjoaninas e, ainda, reaviva as memórias antigas dos selos que chegaram a ser produzidos sobre o São João de Braga.

Os selos estão disponíveis para compra nos stands da Associação de Festas de São João na Avenida da Liberdade (junto ao posto de Turismo) e no Parque da Ponte.

https://saojoaobraga.pt/selo-do-sao-joao-disponivel-nos-stands-da-associacao-de-festas/

Festividades Sanjoaninas ao som do tradicional cavaquinho

No ano em que as festas de S. João pretendem afirmar-se como as festividades sanjoaninas mais antigas do país, torna-se importante tornar Braga capital da tradição que a acompanha. O cavaquinho é um instrumento popular minhoto, que teve origem na cidade. Deste modo, durante o dia de sábado, 21 de junho, realizar-se-á, em vários pontos da cidade (Mercado Municipal, Campo da Vinha e Theatro Circo), um encontro de tocadores de cavaquinho.

O objectivo é a reunião de todos os grupos de tocadores de cavaquinho, bem como de qualquer possuidor do mesmo instrumento, para uma actuação conjunta no palco do Theatro Circo, onde o Malhão Velho e a Vareira se tornarão as músicas que darão corpo a esta tradição minhota.

O cavaquinho é um cordofone de pequenas dimensões, de tampos chatos e de quatro cordas de tripa ou metálicas.

É no Minho que é mais popular e está muito ligado às rusgas minhotas. Pode aparecer como instrumento harmónico, acompanhando o canto, ou ser tocado rasgado, fazendo a sua melodia tão característica.

As festividades do mais antigo São João realizam-se em Braga desde o dia 15 de junho até ao dia 24 de junho e contam uma grande variedade de recriações históricas e tradicionais desta celebração ao Santo Popular, padroeiro da cidade.

 

Balão de ar quente para descobrir Braga

O Aero Club de Braga em parceria com a Associação de Festas de São João de Braga convidam os bracarense a experimentar viagens de balão de ar quente já no próximo dia 23 de Junho.

O Estádio 1º de Maio acolhe no dia da noitada de São João um balão de ar quente que pode levar os interessados até ao ar da cidade que por estes dias se enche de animação sanjoanina.

 

Selo do São João chega amanhã

A Associação de Festas de São João de Braga apresenta amanhã, sexta-feira, às 11 horas na Fonte do Ídolo, um selo comemorativo do São João de Braga deste ano.

Esta iniciativa visa reforçar a marca do São João de Braga, tornando a romaria minhota num ícone nacional imortalizado no selo. A partir de amanhã será possível, assim, trocar correspondência com a marca sanjoanina.

 

Festival Aéreo de Braga decorre no próximo fim-de-semana

Inserido no programa das festas de São João de Braga, o Festival Aéreo de Braga promete trazer muitas manobras radicais à cidade.

Saltos em para-quedas, manobras acrobáticas e baptismos de voo são alguns dos momentos que marcarão a mostra aérea inserida no programa das Festas de São João de Braga.

O Aero Club de Braga está a sortear 4 baptismos de voo aos donos dos primeiros 1000 bilhetes vendidos na FNAC.

A UM junta-se ao São João

O programa do São João de Braga conta este ano com um momento conduzido pelos estudantes da UM e que terá lugar na próxima segunda-feira, dia 16 de Junho, pelas 21h30 na Avenida Central.

Na mega noite académica, a UM vai até ao São João com os seus grupos culturais como o Coro Académico da Universidade do Minho, a Tuna Académica da Universidade do Minho, IPUM, Bomboémia, Tuna de Medicina da Universidade do Minho, Augustuna, Afonsina, Opum Dei, Azeituna, Tun’AoMinho, Gatuna e Tun’OBebes.

Ricardo Rio recebe Gigantones e Cabeçudos

Os grupos de Gigantones e Cabeçudos participantes no XV Encontro Internacional de Gigantones e Cabeçudos serão recebidos ao final da manhã deste Domingo na Câmara Municipal de Braga, na Praça do Município. O presidente da autarquia, Ricardo Rio, irá receber os grupos num momento inédito na história do encontro internacional.

Durante a recepção serão inaugurados dois gigantones construídos em homenagem ao encontro internacional e ao São João de Braga. A tarde de domingo ficará marcada pelo cortejo dos gigantones e cabeçudos.

Já no dia de hoje, o XV Encontro Internacional de Gigantones e Cabeçudos esgotou o Theatro Circo na sessão comemorativa dos 24 anos de encontros na cidade de Braga.

Grupos Ibéricos não faltaram à chamada sanjoanina

Os cabeçudos e gigantones do grupo Ida e Volta desafiaram grupos portugueses e espanhóis a participar no encontro e os grupos A.C. La Candonga – Gigantes de Mombuey, Amics dels Gegants – Montblans, Associação Juvenil “A Bogalha”, Bombos com Alma, IMA – Grupos de Bombos e Cabeçudos são alguns dos grupos que marcam presença no encontro que promete animar o fim-de-semana da cidade dos arcebispos.

Serpe volta às ruas

15 anos depois a Serpe volta às ruas de Braga. A “monstruosa cobra sarapintada” marcará presença no cortejo dos Gigantones e Cabeçudos que decorre na tarde de domingo, bem como no desfile medieval de 20 de Junho, sendo posteriormente exibida na exposição alusiva ao XV encontro de Gigantones e Cabeçudos que estará no centro comercial Braga Parque até ao dia 24 de Junho.

A serpe é mais uma das tradições recuperadas pela Associação de Festas de São João de Braga, presidida por Rui Ferreira, que considera este regresso mais um marco sanjoanino este ano.

A serpe

A serpe é descrita como sendo uma monstruosa cobra sarapintada horrivelmente, por baixo de cuja barriga mal se escondiam os pés dos homens que a levavam. Esta cobra decorada, que muitos associam ao simbolismo do pecado e da aliciação do maligno, era secundada por uma guarda de honra, constituída pelos denominados “cavalinhos”.

Sinos da Sé abrem festividades

O São João de Braga arranca já amanhã e as actividades começam com uma actuação da Associação Cultural “Sinos da Sé” na Praça da República, às 9 horas e 30 minutos.

Além da actuação do grupo “Sinos da Sé”, a manhã de sábado é marcada pelo Festival do Mercado que conta com a actuação de dois grupos de gigantones e cabeçudos, a visita aos locais de culto sanjoaninos, pelas rodopiadas e ainda pela inauguração de “O São João do Mestre Vieira” na Torre de Menagem.

O São João está prestes a arrancar!